Da interação com o conjunto edificado da Casa de Rui Barbosa

Autor(es): Caio Calafate, Pedro Varella, Sergio Garcia e Fabiana Araújo

Data: 03/12/2013


O edifício sede da Casa de Rui Barbosa, por onde deverá se dar o acesso à nova edificação de acervo apresenta implantação racional no eixo norte‐sul ligeiramente deslocado e organização espacial clara através de seu saguão térreo contiguo ao núcleo de circulação vertical. No nível térreo o acesso ao edifício de arquivos se dará exclusivamente pelo fim do corredor no núcleo de circulação vertical.

Clique aqui, e faça o download do projeto em PDF

Sobre:Promovido pela Fundação Casa de Rui Barbosa e organizado pelo Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB-RJ), o concurso teve como objetivo selecionar o melhor projeto para a construção de um prédio de alta tecnologia, especialmente desenvolvido para abrigar o acervo de grandes escritores brasileiros dos últimos séculos, além de uma sala de exposições. O edifício receberá livros, documentos, filmes, conteúdo digital e outros objetos de escritores como Manuel Bandeira, Carlos Drummond de Andrade, Pedro Nava, Vinicius de Moraes, Clarice Lispector e Fernando Sabino, entre vários outros, além do próprio Rui Barbosa.

Colaboradores

  • Patrícia Rodrigues
  • Rodrigo Affonso